Páginas

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Resenha: A Seleção


Depois da derrota dos EUA para a China o governo foi totalmente alterado. O Estados Unidos da América se transformou em Estados Unidos da China e uma nova cidade nasceu: Illéa.
Essa cidade é dividida em castas e todos os anos a uma competição que reúne trinta e cinco moças de diferentes castas, para serem levadas para o palácio e serem escolhidas pelo príncipe, se tornado assim a Rainha de Illéa.
Esse é o sonho de todas as garotas. 
Menos de uma.
America Singer.

America é uma garota da casta cinco, ela trabalho como artista e estar na Seleção é seu pesadelo, pois apesar da humildade de seu lar, ela não quer se casar com o príncipe, pois seu coração já pertence a Aspen, um jovem empregado da casta seis. Ela está disposta a abandonar a coroa para ser feliz com Aspen, mas ele termina tudo com ela, sem explicar a razão.
Assim, movida pela raiva e pelo amor de sua família, que vê nisso tudo um futuro melhor, ela embarca para o palácio com mais 34 garotas, e em pouco tempo se torna uma das queridinhas do povo de Illéa.
Mas outra mudança ocorre na vida de America. Algo que ela não esperava nunca. Apos conhecer o príncipe, eles formam uma aliança: ela o ajuda a escolher uma esposa e ele não a manda de volta para a casa. Mas aos poucos, America percebe que seu coração pertence a outro. E talvez o destino que ela deseja agora não é o que ela imaginava a algum tempo atrás. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário